Posts tagged ‘atitude’

Vencer tem muito a ver com atitude

Uns 15 anos atrás, visitei Bud Hadfield, fundador da Kwik Kopy, na sede da sua empresa, no local que havia sido uma fazenda de gado, na periferia de Dallas, no Texas, onde ele mandou construir uma réplica do Forte Álamo. Levei comigo um grupo de franqueadores brasileiros, para realizar o que chamamos de “Visita de Benchmarking”. Na época, Bud tinha uns 72 ou 73 anos de idade, mas mantinha uma energia invejável e me tornei seu fã. Nos demos muito bem e, poucas horas depois de nos conhecermos, já parecíamos amigos de infância, muito embora, naquela altura, eu tivesse pouco mais da metade da sua idade.
Ao nos despedirmos, ele meu deu um exemplar autografado de seu livro “Wealth Within Reach” ou Riqueza ao Alcance, que eu vim lendo no avião. Gostei tanto do texto que cheguei a São Paulo decidido a criar uma editora para traduzir e publicar aquela obra aqui no Brasil. Hoje em dia estou bem menos atirado e não saio criando negócios assim, na base do impulso. Sou ousado, mas não sou mais tão atirado. Mas aqueles eram outros tempos…
Portanto, chegando ao Brasil, criei a Editora Cherto, de saudosa memória. Isto é: saudosa para mim. Lançamos o livro do Bud, (com o infeliz título “Sucesso ao seu alcance”) e mais uns cinco ou seis, incluindo um escrito pelo Professor Scott Shane, na época um professor pouco conhecido da também pouco conhecida Geórgia Tech, que logo em seguida foi contratado pelo poderoso e prestigioso M.I.T. e se tornou uma grande estrela. A maioria de nossos livros, aliás, alcançou sucesso de crítica. Mas não de público. E muito menos sucesso financeiro. As vendas eram baixas e as margens, diminutas. E, assim, jamais consegui ganhar dinheiro com esse negócio.
É que, apesar de ótimos, os livros eram poucos. O que, combinado com as tiragens baixas, nos impedia de alcançar uma escala mínima para nos viabilizarmos como editora. E nesse negócio de editora, como em outros, escala é o nome do jogo. Isso sem falar nas agruras da distribuição. Meu Deus! Como apanhamos na mão dos distribuidores!
Como esse não era – nem jamais teve a intenção de ser – meu negócio principal, resolvi pular fora e liquidar a editora antes que ela me liquidasse, criando problemas ainda mais graves do que os fios de cabelos brancos que me deixou.
Seja como for, o livro do meu amigo Bud continua genial. Está esgotado e você hoje só o encontra em sebos, como o Estante Virtual. Em minhas mãos, sobrou um único exemplar, do qual volta e meia releio trechos. E do qual sempre extraio lições interessantes. Até porque a própria vida de Bud Hadfield foi muito interessante.
Você consegue imaginar um sujeito que, antes de fazer sucesso nos negócios, quebrou oito vezes, em oito ramos diferentes? Pois ele quebrou. Quebrou mesmo, faliu! Mas sempre encontrou forças para recomeçar. Nada do que ele fez deu muito certo, até que, aos 44 anos de idade, fundou a Kwik Copy, que viria a se tornar uma das maiores redes de gráficas rápidas do mundo. E ele se tornou um cara muito rico.
No livro, uma das coisas que Bud diz – e na qual acredito piamente – é que vencer é um hábito. E, infelizmente, perder também é. Ou seja: vencer ou perder tem mais a ver com atitude do que com sorte ou outros fatores alheios à sua vontade.
Diga aí, caro leitor: qual tem sido sua atitude perante a vida e os problemas e oportunidades que ela lhe apresenta?
Marcelo Cherto

Anúncios

23 de novembro de 2009 at 9:00 Deixe um comentário


Posts recentes

Siga a GrowBiz no Twitter

Feeds