Posts tagged ‘pesquisa’

Atualização do Impacto da Crise Econômica

Se v. é executivo ou empresário, o Grupo Cherto, a Advance Marketing e a ESPM – Escola Superior de Propaganda e Marketing (através de seu Núcleo de Varejo) convidam você a responder a nova pesquisa sobre o impacto da crise econômica. Trata-se da 3ª edição dessa pesquisa e vai nos permitir compreender (e mostrar a você) a evolução da percepção dos executivos brasileiros com relação à Crise desde Outubro de 2008 até agora.

Para acessar o formulário e responder, basta clicar aqui.

Como retribuição por sua participação, você receberá (por e-mail) um documento com os resultados da pesquisa, devidamente tabulados.

IMPORTANTE: encerraremos a pesquisa no dia 31 de Março às 18:00h.
Marcelo Cherto

30 de novembro de 2009 at 13:00 Deixe um comentário

A hora e a vez da QUALIDADE

Em recente pesquisa junto ao mercado consumidor, a ADVANCE identificou que a crise está mudando os hábitos de consumo de produtos de TI (Tecnologia da Informação).

Os executivos entrevistados estão estabelecendo critérios de qualidade mais rigorosos para a seleção e compra de produtos e serviços de TI. Entre os principais motivos alegados está o fato de que os empresários, cientes da gravidade e do tempo que o mercado levará para se recuperar, deverão permanecer com os produtos adquiridos por um longo tempo. Desta forma, o critério de compra tem que, necessariamente, priorizar a qualidade, a garantia, o suporte e a assistência técnica.

Neste cenário, os grandes fabricantes como DELL, HP, Lenovo e Positivo saem beneficiados em detrimento aos “fabricantes sem marca”.

Dentre os grandes fabricantes a briga será em oferecer para o cliente um produto que represente “tranqüilidade” na compra e no uso. Por tranqüilidade os consumidores querem dizer:

Um produto com alta tecnologia e qualidade
Um produto que “não quebre”
E, principalmente, um produto que se “quebrar” o fornecedor possa rapidamente resolver o problema

O mesmo conceito é válido e aplicado a todos os demais produtos de TI.

Na parte de serviços, entre as novas prioridades estabelecidas pelos clientes estão:

Fornecedores que garantam e cumpram o prazo de entrega
Projetos com menor tempo de implementação
Projetos com maior retorno para os usuários
Dagoberto Hajjar

24 de novembro de 2009 at 13:00 Deixe um comentário

Automação dos processos de marketing

A automação de processos de marketing é uma realidade para poucas empresas, porém isso deve durar pouco, pois os benefícios são muitos.

Estamos em fase final de realização de uma pesquisa que avaliou até o momento seis empresas de grande porte com forte atividade de comunicação promocional por meio de material impresso, a chamada folheteria.

O objetivo da pesquisa é identificar como grandes empresas que utilizam intensivamente a folheteria se organizam internamente. Partimos da hipótese que os departamentos de marketing apesar de se colocarem na vanguarda da criatividade e inovação, quando o assunto é gestão, ficam nas últimas colocações.

O mercado de tecnologia por sua vez não fornece abundantemente ferramentas necessárias para a automação dos processos de marketing, mas já existem soluções que foram capazes de mudar positivamente rotinas e resultados de grandes empresas.

Os resultados são impressionantes: há reduções de custos operacionais, economias com uso de materiais como o papel principalmente, redução do tempo de preparação (60 contra 20 dias em alguns casos).

Os erros desapareceram. Quantos não são os casos de prejuízos com precificação errada ou trocada com outros produtos? Recentemente, uma grande rede de lojas virou notícia na TV ao publicar seu folheto promocional com um preço errado. O fato provocou uma corrida de clientes às lojas e uma enxurrada de reclamações.

Mas, não satisfeitas com apenas reduções de custos, as empresas que lideram esse tipo de iniciativa alcançam muitos ganhos. O principal é o aumento da atividade promocional. Tornou-se possível aumentar a produção! O número de publicações aumentou em volume, variedade e freqüência ao mesmo tempo em que a equipe diminuiu.

Isso se torna mais evidente quando a terceirização é a opção da empresa. Nesse caso o fornecedor de soluções tecnológicas estende os seus serviços e transfere para o endereço do seu cliente parte da própria equipe que se encarrega em receber as informações, preparar a diagramação, finalizar e enviar para as gráficas via email sem riscos de quebra de confidencialidade e com muita rapidez, para qualquer lugar inclusive outros países da América Latina.

Até a próxima!
Ricardo Pastore

19 de novembro de 2009 at 17:00 Deixe um comentário


Posts recentes

Siga a GrowBiz no Twitter

Feeds